Qual a maior lição que o teu filho te ensinou?

Eu tinha medo de me expor. Ao contrário do que possa parecer, eu tinha muito medo de mostrar quem realmente era – a minha essência. Existiam partes de mim que escondia, inclusive de mim própria. Tinha medo de as mostrar com vergonha, sim vergonha, do que poderiam achar. Hoje, não vou mentir, o medo continua cá mas agora já não me bloqueia: observo-o e atravesso-o. E isto devo-o aos meus filhos. Cada um, à sua maneira, tem-me ensinado a viver assim: a Vida com Ousadia!

Se tivesse que resumir em apenas uma frase a maior lição dos meus Mestres seria esta: Viver a vida com ousadia.

Se há uns anos me fosse possível programar a vida do meu filho, Gui, ele seria o melhor em tudo – o melhor aluno, desportista, dançarino, músico, comunicador, … E talvez tudo fosse mais fácil (o meu ego pelo menos ficaria muito contente) mas … não viveria a vida com ousadia.

Claro que viver a vida com ousadia não é fácil. Há momentos que te sentes a rasgar por dentro. Há momentos que colocas tudo em causa. Há momentos de medo, ansiedade, dúvida, desespero… Há momentos que parece tudo confuso até que … voltas a respirar e percebes que está tudo bem.

O filho ensinou-me isto. Apesar do medo, avança. Apesar do que os outros pensam, avança. Apesar do que tu pensas, avança. E apesar do caos, está tudo bem. 

Mas isto foi/é uma escolha. Isto exigiu (e) esforço, trabalho, persistência.

Poderia ter escolhido outro trilho.

Poderia ter continuado a pressioná-lo para ele ser conforme as minhas expectativas.

Poderia ter continuado a controlá-lo para agradar aos outros.

Poderia ter continuado a querer ser alguém através dele.

Poderia ter continuado a querer que ele cumprisse os meus sonhos.

Poderia ter continuado a compará-lo, menosprezá-lo, criticá-lo, castigá-lo por ser como é.

Poderia ter continuado com discussões constantes.

Poderia ter continuado agarrada à perfeição.

Poderia ter continuado a sentir-me vítima da situação.

Poderia ter continuado a sentir vergonha, culpa, desespero, ansiedade.

Poderia ter achado que não me restava nenhuma saída senão “domar” o meu filho agitado, ansioso, desconcentrado, teimoso, …

Poderia sim.

Mas depois de anos a procurar fora, sem grandes efeitos, decidi virar-me para dentro. E nesse local percebi: era eu, era eu, que tinha de mudar de “lentes”.

O meu filho não tinha de ser mais quieto e calado

O meu filho não tinha de ser mais sério e introvertido

O meu filho não tinha de ser mais atento e obediente

O meu filho não tinha de ser igual a ninguém

O meu filho não tinha de encaixar em nenhum padrão

O meu filho só tinha simplesmente de ser tal como ele era!

Respeitando os outros como tal como eram.

Tal como eu! Eu também não tenho que ser de outra forma. Ao aceitá-lo, aceitei-me.

O meu filho só tinha simplesmente de ser tal como ele era!

Tal como tu, tal como teu filho!

O meu filho ensinou-me a viver assim: a viver a vida com ousadia.

E viver com ousadia é acreditar num mundo onde todos podemos ser quem somos tal como somos – onde todos temos necessidades especiais, onde todos temos talentos únicos e originais, onde todos temos algo e não falta de algo, onde vamos para além do que é visível, onde confiamos e acreditamos no potencial de cada um, onde não nos conformarmos porque “é assim e não há nada a fazer”, onde desvendamos sempre uma saída, onde não nos deixamos engolir pelo sistema, onde acreditamos no AMOR !

E sim, poderão chamar-me de louca, mas vou empenhar-me nisto com amor e paixão. E sim, sei que vai haver sangue, suor e lágrimas. E sim, sei que vou errar e sofrer desilusões. E sim, sei que vou ouvir críticas e repreensões. Sei disso tudo, mas os meus filhos não me deixam nenhuma hipótese, senão esta: viver a vida com ousadia.

E tu, qual foi a maior lição que o teu filho te ensinou? E tu, vives a vida com ousadia? 

Caso te queiras juntar a este movimento então envia-me um email para carlapatrocinio33@gmail.com e requisita uma sessão introdutória de 1H comigo via skype ou telefone para conversarmos sobre isso.

Um abraço ousado,

Carla Patrocínio

Coach Parental, Especialista em Famílias Agitadas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s